MARROCOS (LUÍS JOAQUIM DOS SANTOS) - CARTAS DO RIO DE JANEIRO

MARROCOS (LUÍS JOAQUIM DOS SANTOS) - CARTAS DO RIO DE JANEIRO

SKU: 16300
€12,50Preço

MARROCOS (LUÍS JOAQUIM DOS SANTOS) - CARTAS DO RIO DE JANEIRO
1811-1821.
Biblioteca Nacional de Portugal. Lisboa. 2008. In-8º gr. de 564 págs. Br.


Sobre Luís Joaquim dos Santos Marrocos, passamos a transcrever:

"Luís Joaquim dos Santos Marrocos (Lisboa, 17 de julho de 1781 - Rio de Janeiro, 17 de dezembro de 1838), bibliotecário da Real Biblioteca Portuguesa, tanto na cidade de Lisboa como no Rio de Janeiro e oficial maior da secretaria de estado dos negócios do reino (português e brasileiro).

"Biografia

"Nascido em Lisboa do ano de 1781, Luís Joaquim era o filho mais velho de Francisco José dos Santos Marrocos, bibliotecário e professor de filosofia. Esta família, a Santos Marrocos, pertencia a uma elite de funcionários e burocratas ligada à cultura e ao saber.

"Ex-estudante da universidade de Coimbra a partir de 1802, o primogênito de Francisco José passou a ajudá-lo na Real Biblioteca, catalogando, reproduzindo e preservando livros e documentos.

"Com a transferência da corte portuguesa para o Brasil (1807) e o desenrolar da guerra peninsular (1807-1814) Luís entrou para a resistência portuguesa na Junta de Direção Geral dos provimentos de boca para o exército e, pouco depois, foi nomeado capitão de uma das companhias das Legiões Nacionais para a defesa de Lisboa durante a invasão francesa em Portugal.

"Em 1811 é indicado pelo próprio príncipe regente D. João como o encarregado de acompanhar o deslocamento do acervo real, de aproximadamente 60 000 volumes de Portugal para o Rio de Janeiro.

"Na primavera deste ano e a bordo da fragata Princesa Carlota o bibliotecário real inicia uma série de cartas