RANCINAN (GÉRARD) - REIS SEM REINO

RANCINAN (GÉRARD) - REIS SEM REINO

SKU: 10473
€150,00Preço

RANCINAN (GÉRARD) - REIS SEM REINO
Chaves Ferreira Publicações, S.A.. Lisboa. 1990. In-4º gr. de 143-I págs. Enc.


Luxuoso álbum, impresso em bom papel e profusamente ilustrado ao longo do texto, com breves biografias sobre, entre outros, Dom Duarte de Portugal, Vladimir da Rússia, Sahir Sha do Afeganistão, Idris da Líbia, Otto de Habsburgo, Dom Pedro do Brasil, Marajá de Bharatpur, Simeão II da Bulgária, Orhan da Turquia, Marajá de Gwalior, Alexandre da Jugoslávia, Miguel da Roménia, Geraldine da Albânia, Luis-Fernando da Prússia, Henrique de Orléans, etc.


Do Prefácio assinado pelo Sr. Dom Duarte:

"A publicação de Reis Sem Reino é, ao mesmo tempo, útil e oportuna. Útil não só pelo interesse das informações que faculta como pela reflexão que sugere. Oportuna, porque ocorre num momento em que vários povos, em particular os do Leste Europeu, se interrogam quanto à possibilidade de reassumirem com a Coroa o seu destino nacional.
"Terão, porventura, concluído que os oásis de paz no Mundo quase confundem com os espaços onde vigora a Monarquia.
"Terão verificado que a Instituição Real, qualquer que seja o cenário geográfico ou o estádio de desenvolvimento socioeconómico, onde existe, é por excelência um instrumento nacional de coesão e de progresso.
"Terão revisto na Coroa o seu próprio princípio, a instituição familiar - a todos igualmente acessível - que lhes recorda a construção do Estado, a dignidade e o equilíbrio institucionais, a salvaguarda da independência e o prestígio exterior.
"Terão, finalmente, reconhecido que aquela instituição familiar é, em primeiro lugar, servida pela Príncipe.
"Não será excessivo dizer-se que as pessoas reais, reinantes ou não, têm por cultura, também familiar, a defesa dos valores permanentes dos seus povos.
"E é neste ponto que Reis Sem Reino revela o seu maior interesse, pois deixa claro que não há exílio nem outra pena que demova o rei do serviço da pátria, da defesa dos seus valores permanentes, isto é, da Tradição, das várias identidades (espirituais, culturais e ambientais) que constituem a identidade nacional.
"Os príncipes são educados para servir!".

O nosso exemplar pertence á TIRAGEM ESPECIAL COM ACABAMENTO EM CAPA DURA REVESTIDA A SEDA, FERROS GRAVADOS A OURO, APLICAÇÃO MANUAL DE UMA GRAVURA E CAIXA IMPRESSA EM SERIGRAFIA COM AS ARMAS DOS REIS DE PORTUGAL. OS EXEMPLARES DESTA EDIÇÃO ESPECIAL ESTÃO NUMERADOS DE 1 A 250 E FORAM ASSINADOS POR SUA ALTEZA REAL D. DUARTE, DUQUE DE BRAGANÇA.

Exemplar em bom estado geral de conservação; a caixa apresenta alguns normais sinais de manuseamento.


PEÇA DE COLECÇÂO.